8 de setembro de 2014
A grelha da Bratwurst Häule, em Nuremberg

A grelha da Bratwurst Häule, em Nuremberg

Final de verão (final de agosto/início de setembro) é a época mais animada na Alemanha: o país todo fica repleto de festas de rua. Comida, música, bebida. Sossegado ir com amigos, família, filhos – segurança realmente não é uma preocupação… Visitei duas delas, uma dedicada a vinhos alemães em Stuttgart (Stuttgarter Weindorf)  e outra, voltada para a família e com comida de várias partes do mundo, em Nuremberg (Volksfest).

Ah, a linda e leve doçaria alemã... Tremenda torta de ameixas (está na temporada). De novo, pouco açúcar e uso de ingredientes de qualidade. Consegue-se sentir o sabor da fruta, Na Neef, em Nuremberg

Ah, a linda e leve doçaria alemã… Tremenda torta de ameixas (está na temporada). De novo, pouco açúcar e uso de ingredientes de qualidade. Consegue-se sentir o sabor da fruta, na Neef, em Nuremberg

Stuttgarter Weindorf: vale conhecer, beber e comer muito bem nesta festa que completa 38 anos.

Stuttgarter Weindorf: vale conhecer, beber e comer muito bem nesta festa que completa 38 anos.

Stuttgart, além de ser um destino para quem curte carros (Mercedes-Benz Museum), é a sede da adorável Stuttgarter Weindorf. Durante 15 dias, um quadrilátero no centro da cidade é tomado por cerca de 30 “barracas” – que, na real, são montadas com estrutura de restaurante -, todas especializadas em receitas e vinhos alemães.

Stuttgarter Weindorf, a feira anual de vinhos alemães em Stuttgart. Em um dos restaurantes montados na rua, mandei essa flammkuchen ("pizza" alemã) e um dos drinques mais populares do país, Hugo (espumante, água com gás, xarope de elderflower e hortelã)

Stuttgarter Weindorf, a feira anual de vinhos alemães em Stuttgart. Em um dos restaurantes montados na rua, mandei essa flammkuchen (“pizza” alemã) e um dos drinques mais populares do país, Hugo (espumante, água com gás, xarope de elderflower e hortelã)

Rótulo alemão no Museu da Vinicultura: ali são feitas degustações para pequenos grupos conhecerem as uvas e vinhos da região

Rótulo alemão no Museu da Vinicultura: ali são feitas degustações para pequenos grupos conhecerem as uvas e vinhos da região

Área histórica no centro de Nuremberg na qual ficavam concentrados os matadouros e açougueiros da cidade. Hoje, é o páteo de um café

Área histórica no centro de Nuremberg na qual ficavam concentrados os matadouros e açougueiros da cidade. Hoje, é o páteo de um café

O mote da Stuttgarter Weindorf é valorizar a tradição, a cultura, os próprios produtos e produtores. A própria gastronomia. Lindo de se ver: nada de burger, nada de noodle, nada de pizza.
Meus amados pretzels alemães!

Meus amados pretzels alemães!

Que tal uma televisão de joelho de porco? Na Alemanha, tem! Aqui, barraca da Volkfest, em Nuremberg

Que tal uma televisão de joelho de porco? Na Alemanha, tem! Aqui, barraca da Volkfest, em Nuremberg

Você pode comer uma bela flammkuchen (pizza alemã) acompanhada de Hugo (espumante, água com gás, xarope de elderflower e hortelã), um pratão de schwäbische krautschupfnudeln (massa típica da região com repolho e bacon), creme de cogumelos em pão de grãos, etc.  E, obviamente, tomar muito, muito vinho. Bons vinhos: a região é dedicada a eles. Apenas nos arredores da cidade são 23 produtores, plantando Riesling, Kerner, Müller, Turgau, Muskateller, Chardonnay, Weissburgunder, Silvaner und Gewürztraminer, Muskat, Pinot noir, Trollinger e Lemberger.

Mais uma das receitas servidas na Stuttgarter Weindorf: schwäbische krautschupfnudeln, ou seja, massa típica da região com repolho e bacon

Mais uma das receitas servidas na Stuttgarter Weindorf: schwäbische krautschupfnudeln, ou seja, massa típica da região com repolho e bacon

A bela Nuremberg

A bela Nuremberg

Uma das lojas mais deliciosas de Nuremberg: DeliKatEssen. Ali, só produtos especiais, vindos de pequenos produtores. De gin a chocolate.

Uma das lojas mais deliciosas de Nuremberg: DeliKatEssen. Ali, só produtos especiais, vindos de pequenos produtores. De gin a chocolate.

Visite o Stuttgart Markthalle, o mercado central. Comidas prontas para consumo (feitas diariamente), produtos gregos, turcos, franceses, espanhóis. Bebidas. Temperos. Frutas, verduras locais. No andar de cima, chiquérrima e cara loja de departamentos.

O lindo, organizado e ótimo Stuttgart Markthalle

O lindo, organizado e ótimo Stuttgart Markthalle

Variedade de tomate alemão, encontrado no Stuttgart Markthalle, que só existe três semanas por ano e cresce entre as videiras. Doce, doce, doce e com casca resistente como a de uma jabuticaba

Variedade de tomate alemão, encontrado no Stuttgart Markthalle, que só existe três semanas por ano e cresce entre as videiras. Doce, doce, doce e com casca resistente como a de uma jabuticaba

Ah, Nuremberg… me encantei. Me encantei pela história, pela maneira apaixonada como reconstruíram quase toda a cidade depois da Segunda Guerra (uma das preferidas de Hitler, Nuremberg era a sede do Congresso Nazista e de dezenas de edificações do 3. Reich que foram bombardeadas pelos americanos). Pelo clima interiorano, tranquilo. Pela neef confiserie café e seus doces fantásticos. Pelos produtos artesanais – de gin a chocolate – da DelikatEssen. E, claro, pelas salsichas de Nuremberg, especialmente as produzidas diariamente no Bratwurst Häusle.

As salsichas mais famosas de Nuremberg, na Bratwurst Häule. Aqui, acompanhada de salada de batatas, horseradish e meus amados pretzels

As salsichas mais famosas de Nuremberg, na Bratwurst Häule. Aqui, acompanhada de salada de batatas, horseradish e meus amados pretzels

Lebkuchen, gingerbread ou, para nós, pão de mel. Porém, numa versão master, repleto de amêndoas e avelãs e cascas de laranja. E, pra completar, estes são cobertos de chocolate. É comida de Natal, mas lojas vendem o ano todo em Nuremberg. Estes são da Fraunholz Lebkuchen

Lebkuchen, gingerbread ou, para nós, pão de mel. Porém, numa versão master, repleto de amêndoas e avelãs e cascas de laranja. E, pra completar, estes são cobertos de chocolate. É comida de Natal, mas lojas vendem o ano todo em Nuremberg. Estes são da Fraunholz Lebkuchen

Pude acompanhar a produção na Bratwurst Häusle e, olha, que trabalho e respeito pelo que se faz. Todo santo dia, à partir das 5 da manhã, mais de dez mil salsichas são produzidas. Por lei, devem ter de sete a nove centímetros de comprimento, 22 mm de largura, de 20 a 25 gramas cada, não mais de 30% de gordura e levar carne nobre de porco, sal, pimenta e manjerona. Só existem quatro modos de prepará-las: o mais clássico, na grelha alimentada com lenha; fervida em vinho branco da Francônia, cebola e vinagre; defumada, besuntada em horserasdish; “pelada”, ou seja, crua, sem o invólucro, picada como tartare. Minha favorita: a potente defumada.

Uma das microcervejarias mais famosas da cidade, fundada em 1984, a Hausbrauerei Altstadthof

Uma das microcervejarias mais famosas da cidade, fundada em 1984, a Hausbrauerei Altstadthof

Volkfest, em Nuremberg: parque de diversõs, comida e cerveja defronte do Museu da Documentação Nazista

Volkfest, em Nuremberg: parque de diversõs, comida e cerveja defronte do Museu da Documentação Nazista

Também na Bratwurst Häule, outra forma de servir a salsinha de Nuremberg: fervidas em vinho branco da Francônia, com cebolas e vinagre

Também na Bratwurst Häule, outra forma de servir a salsinha de Nuremberg: fervidas em vinho branco da Francônia, com cebolas e vinagre

Então, uma vez ao ano, desde 1826, a cidade ganha ainda mais vida com a Volksfest, defronte ao ex-Congresso Nazista (hoje funciona como o Centro da Documentação Nazista). A mistura de carrinho de bate-bate, montanhas russas, sorvetes, biergarten, comida e música é quase intoxicante.

Pork shoulder assado oito horas (uma das melhores carne de porco ever) e kloss, bola de batata com amido de milho, Albrecht-Dürer-Stube, em Nuremnerg

Pork shoulder assado oito horas (uma das melhores carne de porco ever) e kloss, bola de batata com amido de milho, Albrecht-Dürer-Stube, em Nuremnerg

No meio de uma região vinícola, Stuttgart é produtora de bela variedade de vinhos brancos e tintos. Esses vinhedos ficam a menos de 6 km do centro.

No meio de uma região vinícola, Stuttgart é produtora de bela variedade de vinhos brancos e tintos. Esses vinhedos ficam a menos de 6 km do centro.

Muito consumido na região de Nuremberg, os sandubas de peixes marinados vem sempre com bastante cebola e picles

Muito consumido na região de Nuremberg, os sandubas de peixes marinados vem sempre com bastante cebola e picles

Alemães sabem, e como!, fazer uma festa.