14 excelentes cafés da manhã em São Paulo

Atualizado em fevereiro 2018

1. Futuro Refeitório

Opções de café da manhã: tostadas de pão de fermentação natural da casa com ricota caseira e com creme de chocolate e avelãs, cremoso de chia com frutas, chai latte e café coado

Há alguns meses, quando ela anunciou que abriria uma segunda casa, agora em sociedade com sua irmã, o mercado da gastronomia paulistana se alvoroçou. Então, há poucas semanas atrás, a dupla inaugurou o novo empreendimento, batizado de Futuro Refeitório, em Pinheiros. Pelo que vi nas quatro vezes em que estive lá, a casa já caiu no gosto do paulistano: vive com gente saindo pelo ladrão, com constantes filas de espera. Sucesso merecido.

Cozinha aberta – completamente – do Futuro Refeitório: a arquitetura do restaurante é tão interessante quanto o menu

Se você também ama café da manhã, como eu, o Futuro é um oásis, servindo-o o dia todo. Não perca as tostadas, altas, macias por dentro e crocantes por fora. Podem vir com ricota caseira cremosa (R$ 8), com manteiga de amêndoa e mel (R$ 9,50) ou com doce de leite artesanal (R$ 8). Há também croissant (R$ 8) e cremoso de chia com manga e banana (R$ 8).

  • Quando: todos os dias
  • Quanto, por pessoa (de $ a $$$$$): $$$
  • Onde: Rua Cônego Eugênio Leite, 808, Pinheiros, tel.:3085-5885
2. A Baianeira
dasdasdas

O melhor pão de queijo da cidade? Provavelmente! Puro, recheado (aqui, com goiabada), também é produzido na versão alho na A Baianeira

Dos meus locais mais queridos na cidade, seja no almoço ou café da manhã. Manuelle Ferraz comanda a cozinha da A Baianeira é a alma do pequeno restaurante situado na Barra Funda, no qual tudo é feito com carinho, calma e bons ingredientes.

O delicioso café da manhã da A Baianeira

O pão de queijo é apenas excelente. Feito com queijo curado e polvilhos mineiros, é denso e saboroso sem ser salgado demais. Sua crostinha dourada e crocante esconde o miolo macio, aerado. No café da manhã você pode pedi-lo recheado com goiabada cremosa, queijo minas ou requeijão. A novidade fica por conta do DELICIOSO pão de queijo de alho – se você tem alguma birra com o ingrediente, perca e peça. Que coisa boa!

Saia do óbvio pão-com-manteiga-e-espresso e vá de café coado na mesa, banana da terra grelhada com melado e amêndoas e de pão com requeijão de corte na chapa. E se ela der sugestão de algo novo no menu, confie e peça: sempre é uma boa surpresa.

  • Quando: sábado
  • Quanto, por pessoa (de $ a $$$$$): $
  • Onde: Rua Dona Elisa, 117, Barra Funda, tel.: 2538 0844
3. Vista Café

Instalado no mezanino do MAC, o Vista Café já seria agradável por sua localização, especialmente quando senta-se às mesas externas, dispostas num grande pátio defronte ao Parque do Ibirapuera. Mas o Vista é ainda melhor por unir ambiente calmo, comida deliciosa, fresca, brasileira (com uso predominante de insumos orgânicos) e bons preços.

À partir das 10hs da manhã, até o horário de fechamento, é possível pedir pão de queijo(R$ 5), empadas (R$ 8), ovos fritos com abacate e tomate assado no pão australiano (R$ 15), sanduíches como o excelente queijo quente no brioche com taleggio e caju-ameixa do Seridó (R$ 18), misto quente de meia cura e lombo defumado (R$ 15), bagel com berinjela assada, mussarela de búfala, tomate e pesto (R$ 17) e bolo rústico de mandioca(R$ 9/fatia), entre outras sugestões.

  • Quando: diariamente
  • Quanto, por pessoa (de $ a $$$$$): $$
  • Onde: Avenida Pedro Álvares Cabral, 1301, Ibirapuera
4. Deli Garage

Excelentes ovos mexidos com bacon e baguete na chapa da nova Deli Garage

A panificação francesa é uma arte imersa em manteiga: alguns de seus expoentes mais adorados são o croissant e o brioche.
Camadas de massa fina e absolutamente amanteigada que, sobrepostas, resultam em leveza e delicado toque de crocância.
Pão alto, de etérea maciez amarelo-dourada, que desmancha ao menor toque da língua.
Uma ode ao mundo lácteo.

Croissants da Deli Garage: crocantes por fora, amanteigados no ponto e dos melhores da cidade

Pois é o que se encontra na nova Deli Garage. E não apenas isso: ali também há baguetes, pães rústicos, filões de centeio, terrines e outras ‘francezices’, além de brasilidades, caso do pão de queijo, e incursões na Itália, com a focaccia. Tudo preparado artesanalmente, em várias e pequenas fornadas ao longo do dia. Para saber o que está disponível, basta checar a lousa afixada do lado esquerdo da entrada.

Quem gosta de doce vai se refestelar com bolo de coco gelado com calda de abacaxi(R$ 15, fatia), bolo de chocolate recheado com doce de leite (R$ 15, fatia), merengue de café (R$ 7), tortinhaspudimcookies (R$ 7, unidade), escargot (massa folhada em espiral) de pistache, brownies, biscoitos … Para acompanhar, sucos de frutas e café (Martins).

  • Quando: segunda a sábado
  • Quanto, por pessoa (de $ a $$$$$): $$
  • Onde: Rua Medeiros de Albuquerque, 431, Vila Madalena, 98288-7792
5. Quitandoca
Bufê do Quitandoca

Bufê do Quitandoca

Agora o Quitandoca – empório de produtos orgânicos e agroecológicos – tem café da manhã todos os domingos no pátio do Pitico, em Pinheiros. E que delícia é passar uma manhã de sol por ali, a sombra dos maracujás, sentado em cadeiras de praia!

No delicioso bufê, 100% artesanal, há pães (como os de cenoura, beterraba, arroz, integral), bolos, frutas, pestos (como o de rama de cenoura), queijos e coalhadas, sucos, polenta, mandioca, batata doce, café… Tudo à vontade e por R$ 40 por pessoa (crianças até 4 anos não pagam).

  • Quando: domingo
  • Quanto, por pessoa (de $ a $$$$$): $$
  • Onde: Rua Guaicuí, 53, Largo da Batata
6. HM Food Café
dasdas

Tostada de ovos mexidos, abacate, creme azedo e rabanete: brunch do HM Food Café

Instalado num charmoso espaço colaborativo no baixo Pinheiros (ao fundo funciona um barbeiro), o HM Food Café serve, todos os dias, bons cafés, bolos e comidas rápidas. Mas é aos sábados que o negócio fica mais divertido.

dasdsadas

Panquecas macias de banana com pecã e melado do HM Food Café

Entre as 11hs e as 16hs, são servidas algumas opções – MUITO bem preparadas – de brunch, caso das ótimas tostadas. Montadas sobre pão artesanal excelente da padeira caseira Hanny Guimarães, são oferecidas com ovos mexidos, creme azedo, abacate e rabanete ou ovos mexidos, creme azedo e Parma. Quer algo ainda mais encorpado? O Shakshuka traz molho rústico de de tomate com pimentão e cesta de pães para se “chuchar”.

Se a sua predileção é por doce, vá nas panquecas de banana com pecã e melado.

  • Quando: sábado
  • Quanto, por pessoa (de $ a $$$$$): $$
  • Onde: Rua Ferreira de Araújo, 1056, Pinheiros, tel.: 3034-5319
7. Quitandarte

Café da manhã do Quitand’arte: sábados, domingos e feriados

Aberto originalmente em Belo Horizonte pelos irmãos Iara e Rafael Rodrigues, o estabelecimento mudou-se para São Paulo há cerca de dois meses, instalando-se em um amplo sobrado na rua Joaquim Antunes.
Ali encontra-se diversos produtos vindos de pequenos produtores mineiros – polvilho (que já virou meu preferido para hidratar e fazer tapioca em casa), queijos, geleias, meles, compotas, geleias, cachaças, doce de leite, conservas, entre outros – e menu que inclui pão de queijo recheado com pernil de lata e ovo frito, ótimas tapiocas e sanduíches.

Sábados, domingos e feriados são os melhores dias para ir ao Quintad’arte: neles há bela mesa de café da manhã (R$ 42 por pessoa; R$ 21 para crianças até 10 anos). Não deixe de comer a banana da terra grelhada, o delicioso biscoito de polvilho frito e os ovos mexidos bem molinhos. O café coado (Wolff Café) vale muitos refis.

  • Quando: sábado, domingo e feriados
  • Quanto, por pessoa (de $ a $$$$$): $$$
  • Onde:Rua Joaquim Antunes, 391, Pinheiros, tel.: 3061-0320
8. Camden House
Ótimas panquecas do novo brunch do Camden House, no Itaim.

Ótimas panquecas do novo brunch do Camden House, no Itaim.

Um dos bares com melhor cozinha de São Paulo – e dos meus preferidos -, o Camden House começou a servir brunch com especialidades inglesas. E, olha, está MUITO bom.

Aos sábados e domingos, entre as 10hs e 16hs, a talentosa chef Elisa Hill oferece o tradicional English Breakfast que traz deliciosa linguiça (de pequeno produtor, sem hormônios, tempero delicado e quase sem gordura), dois ovos fritos, cogumelos paris grelhados, tomate assado, excelente bacon feito na casa, ótimo pão feito também por ali e feijão. Vale todas as calorias, com gosto. Outra delícia são os ovos beneditinos, os melhores que já comi em São Paulo. Dois english muffins – produzidos ali, com o sabor e textura ideais – vem cobertos por ovos pochê, suculentas fatias de bacon e sedoso molho hollandaise.

No brunch do Camden House: ovos beneditinos, os melhores que já comi em São Paulo (R$ 25). Dois english muffins - produzidos ali, com o sabor e textura ideiais - vem cobertos por ovos pochê, suculentas fatias de bacon e sedoso molho hollandaise.

No brunch do Camden House: ovos beneditinos, os melhores que já comi em São Paulo

  • Quando: sábado e domingo
  • Quanto, por pessoa (de $ a $$$$$): $$$
  • Onde: Rua Manuel Guedes, 243, Itaim Bibi, 2369-0488
9. Coffee Lab
Tostex de brioche com queijo meia cura e café coado no Coffee Lab

Tostex de brioche com queijo meia cura e café coado no Coffee Lab

Quem curte café de qualidade provavelmente já conhece o Coffee Lab, misto de café, laboratório e escola da barista Isabella Raposeiras. Se não conhece, corra pra conhecer!

Além de poder escolher diversos tipos de grãos garimpados e torrados por ela, ainda dá para optar entre tomá-lo espresso, aeropress, frenchpress, hario, harmonizado com queijos…. Para acompanhar, um tremendo tostex de queijo meia cura e bolo, entre as poucas e boas opções de comidinhas.

  • Quando: todos os dias
  • Quanto, por pessoa (de $ a $$$$$): $$
  • Onde: Rua Fradique Coutinho, 1340, Vila Madalena, tel.: 3375-7400
10. Padaria Artesanal Orgânica
dasdasda

Minha perdição completa na Padaria Artesanal Orgânica: pão integral, mozzarella de búfala, tomate assado e manjericão

A Padaria Orgânica Artesanal tem alguns dos melhores pães da cidade. Gosto especialmente do de nozes e figo, que como sozinho ou molhado no azeite. Há ainda o de Grãos , de amêndoas e damasco, Brioche . Para não ter que comer um inteiro (melhor é levar pra casa), peça a Tartine, que traz duas fatias à sua escolha, manteiga, geleia e requeijão artesanais. Não deixe de comer o excelente o Pão de queijo. Caso vá no final de semana, prove o ‘pão de queijo francês’, o Gougère, com os sempre bem feitos ovos mexidos.

Interior da P.A.O. da VIla Madalena - a mais tranquila

Interior da P.A.O. da Vila Madalena – a mais tranquila

Deixe um pouco da gula reservada para os bolos, assados no dia e com sabores que variam dependendo da oferta de frutas da estação. Aproveite a temporada e mate um pedação do ótimo de amora com açúcar mascavo. Tem também de cacau;  de Amaranto(sem glúten); de Maçã, nozes e passas; de tangerina; de banana; de limão… E, claro, o pornográfico – e campeão de vendas – feito com chocolate belga 70% cacau em nove camadas.

Agora a unidade Vila Madalena, serve buffet de café da manhã aos sábados e domingo a R$ 46 por pessoa, o que inclui a mesa cheia de gostosuras (à vontade), ovos mexidos e bebida quente.

dasdadasdas

Bolo de amora com açúcar mascavo da Padaria Artesanal Orgânica

  • Quando: diariamente
  • Quanto, por pessoa (de $ a $$$$$): $$$
  • Onde: confira as unidades NESTE link
11. Parque da Água Branca
csdasdsa

Café da manhã orgânico no Parque da Água Branca

Caminhar, dar comida para os gatos que vivem soltos por ali, tomar cuidado para não tropeçar nas centenas de galinhas que moram no parque, abastecer a despensa na Feira de Orgânicos e sentar para tomar café da manhã debaixo das árvores: essa é a rotina de quem costuma frequentar o Parque da Água Branca. Rotina da qual gosto bastante.

Aos sábados e domingos, entre as 7h e 11h30, funciona o café da manhã. Apenas ingredientes orgânicos são servidos. Bolos, manteiga, iogurte, pão, ovos, sucos, café – tudinho é livre de corantes, conservantes e agrotóxicos. Sensação libertadora, digo eu. Programa agradável, saudável e que traz uma certa paz numa cidade tão caótica quanto São Paulo.

  • Quando: sábado e domingo
  • Quanto, por pessoa (de $ a $$$$$): $$$
  • Onde: Avenida Francisco Matarazzo, 455, Perdizes
12. Padoca do Maní
Tostex de pão de forma da casa com presunto e queijo meia cura: o trivial, bem feitíssimo

Tostex de pão de forma da casa com presunto e queijo meia cura: o trivial, bem feitíssimo

Pequena, famosa e sempre cheia, ir a Padoca do Mani exige certa calma – nem sempre o staff consegue dar conta de tanta gente. Mas a comida ali é boa, bem boa. Para os que tem fome, o Café Padoca traz cesta de pães de fermentação natural, manteiga, requeijão, geleia, mel, salada de frutas, iogurte e granola e serve duas pessoas. Não deixe, mesmo, de comer a estupenda e úmida cuca de uva – homenagem de Helena a sua terra natal, o Rio Grande do Sul – e o denso bolo de chocolate.

Cuca de uva: leve, cremosa

Cuca de uva: leve, cremosa

  • Quando: terça a domingo
  • Quanto, por pessoa (de $ a $$$$$): $$
  • Onde: Rua Joaquim Antunes, 138, Jardins, tel.: 2579-2410
13. Lá da Venda
dasdasda

Mesa do bufê de café da manhã do Lá da Venda

A chef Heloísa Bacellar sabe como montar uma mesa que desperte vontade de comer tudo o que está sobre ela. E é isso o que acontece com o café da manhã do Lá da Venda, servido em forma de bufê, somente aos finais de semana. Pão de queijo de Canastra, seus famosos bolos, queijos, frios, pães: tudo fresco e de qualidade.

Caso a fome não seja tanta, peça unidade de pão de queijo,  trouxinha de carne seca com catupiry, fatia de bolo de milho (ou de Nada, de de limão com suspiro, de fubá com goiabada) e um café coado e curta o final de semana, sem pressa.

dasdasdsa

Bolo de chocolate do Lá da Venda

  • Quando: sábado e domingo
  • Quanto, por pessoa (de $ a $$$$$): $$$
  • Onde: Rua Harmonia, 161, Vila Madalena, tel.: 3037 7702
14. Mocotó Café
Sugestões de café da manhã do Mocotó Café: tapioca com queijo coalho, cuscuz nordestino, café Yaguara e macchiato com café Terroá

Sugestões de café da manhã do Mocotó Café: tapioca com queijo coalho, cuscuz nordestino, café Yaguara e macchiato com café Terroá

Funcionando entre 8hs e 17hs, de segunda à sábado, o Mocotó Café serve um minúsculo porém bem escolhido menu que incluem alguns dos pratos mais icônicos de Rodrigo Oliveira. O café tem cerca de 25 lugares e o sistema é o mesmo do vizinho Comedoria Gonzales: faça o pedido no caixa, espere ser chamado pelo número, pegue a comida e, quando terminar, jogue seu lixo fora.

Amante de café da manhã como sou, adorei a possibilidade de devorar um delicioso e fofinho cuscuz nordestino com ovo mole em quantos dias da semana eu quiser (e algo me diz que quererei em vários…). São servidos até as onze da manhã também cuscuz com carne seca e natapão artesanal na chapa com manteiga ou requeijão, Tapiocas de queijo coalho  e de carne seca com nataou de coco fresco com leite condensado. Para acompanhar, cafés de qualidade tão alta quanto a comida:Yaguara  e, meu favorito, Terroá.

Que puuuuta cuscuz nordestino com ovo mole delicioso!

Que puuuuta cuscuz nordestino com ovo mole delicioso!

  • Quando: segunda a sábado
  • Quanto, por pessoa (de $ a $$$$$): $
  • Onde: Rua Doutor Manoel Carlos Ferraz de Almeida, 52, Pinheiros, tel.: 30317932

Comente

Seja bem-vindo, sua opinião é importante. Comentários ofensivos serão reprovados